...


Eu vou me acumulando, me acumulando, me acumulando. Até que não caibo em mim e estouro em palavras. (Clarice Lispector)

sexta-feira, 12 de março de 2010

Ainda há esperança


Quando a tristeza toma conta do meu ser e parece que não há solução, a sensação é de que tudo está errado e que essas atitudes erradas só trazem tristeza e desilusão, então me lembro de como a vida pode ser mais bela e mais simples quando temos uma vida de compromisso com Deus. Ele jamais me abandonou, apesar de eu ser tão imperfeita, as vezes me pergunto porquê?

Logo me vem a resposta, ele me ama e esse amor é incondicional, um amor que não pede nada em troca. DEUS é tão maravilhoso que nos deu até o livre arbítrio, ele não nos impoe nada, ele deseja que sejamos felizes e essa felicidade que o ser humano tanto almeja, não provem de outra fonte, senão a que jorra direto do céu, provém de Deus através de seu filho Jesus.

Oh meu Deus! Sabendo eu que só sofrimento tenho tido longe de ti, me ajude a permanecer na tua presença.

Quisera eu ser mais tranquila, menos impaciente, menos inconstânte, mas creio que Deus me ama assim como sou e está tratando aos poucos meu coração e as mudanças necessárias acontecerão naturalmente, pelo amor que ele tem por mim e eu por ele.

Deus é Deus e não precisa de mim pra nada, e mesmo assim, está aqui comigo, porque se preocupa, quer que eu fique bem e eu preciso de Deus mais do que tudo, pois sem ele eu não sou nada, sou como folha seca que o vento joga de um lado para o outro.
Postar um comentário