...


Eu vou me acumulando, me acumulando, me acumulando. Até que não caibo em mim e estouro em palavras. (Clarice Lispector)

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Mais que um dom ...


Não tenho conseguido postar nada aqui tem alguns dias. Confesso que comecei escrever várias vezes, mas em nenhuma delas tive coragem de publicar. Os pensamentos, como de costume são muitos, o difícil é traduzi-los e organizá-los. É incrível a arte de escrever, pois tudo vai se transformando conforme a gente vai transferindo pro papel (computador) nossas sensações e emoções.
Por aqui não existem grandes pretenções, nem almejo ser reconhecida por meus escritos, apenas escrevo pra me livrar de pensamentos, livrar a alma e manter a calma.
Aqui posso ser melancólica demais, sentimental demais, louca demais, não importa. O que me importa mesmo, é transcrever de forma mais ou menos organizada toda a desorganização de meus sentimentos e isso é tudo.
Postar um comentário