...


Eu vou me acumulando, me acumulando, me acumulando. Até que não caibo em mim e estouro em palavras. (Clarice Lispector)

sábado, 19 de março de 2011

Logo Passa!


Acho que o que eu queria era que as coisas fossem iguais ao inicio, onde tudo era lindo, não que não seja mais, ainda é, porém minha visão deve estar meio desfocada pois é tudo meio embassado e sem cor.
Vai ver são só mais devaneios ou talvez aquela inquietação que sempre me acompanha, parecendo até já fazer parte de minhas entranhas. Seja lá o que for, precisa passar...
Postar um comentário