...


Eu vou me acumulando, me acumulando, me acumulando. Até que não caibo em mim e estouro em palavras. (Clarice Lispector)

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

O fim

Por vários momentos durante o meu dia eu penso em te ligar pra te contar as novidades, mas então me lembro que não estamos mais juntos e dá uma tristeza.
Eu sei que não há mais esperança pra nós e talvez tenhamos que seguir cada um o seu caminho, mas é tão triste saber que aqueles planos todos foram pelo ralo.
Talvez eu tenha te idealizado e você também a mim, talvez a gente ainda desse certo, eu tinha esperança disso, mas você me pareceu tão descrente da gente e me pareceu tão nem aí pra tudo isso que minhas esperanças morreram.
Eu sei talvez eu devesse ser mais persistente, mas é que às vezes me pergunto se vale a pena investir numa relação que tinha tudo pra dar certo, mas não deu.
Postar um comentário